Gordura no fígado, a doença silenciosa

Entre as doenças associadas ao excesso de peso e obesidade, a doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA), popularmente conhecida como “gordura no fígado”, vem sendo cada vez mais comum, atingindo cerca de 30% da população brasileira.


O descuido com a alimentação, como consumo exagerado de amidos refinados, alimentos ultraprocessados, refrigerantes e sucos de caixinhas (ricos em frutose), também contribuem para o desenvolvimento da DHGNA.


Por se tratar de uma doença silenciosa, a grande maioria das pessoas descobrem o problema através de exames de imagem ou de sangue. Se não tratada, a gordura no fígado pode levar a inflamação, causando uma hepatite e ao longo dos anos, evoluir para cirrose.

E como tratar a DHGNA?


1. Perder peso é necessário! Estudos demonstram que a perda de 7 a 10% do peso já é possível verificar regressão da doença;


2. Evitar o excesso de bebidas ricas em frutose, farinhas refinadas e alimentos ultraprocessados;


3. Limitar ou cessar o consumo de álcool;


4. Exercite-se! Praticar atividade física reduz a quantidade de gordura no fígado independentemente da quantidade de peso perdida.


Um beijo da nutri Cris!


www.soulmais.com/ciclosemagrecimento


☎️Fone: (51) 3092-0068

📲WhatsApp (51) 9667.7981

📍Av. Augusto Meyer, 167. Auxiliadora – POA.

Av. Augusto Meyer, 167 - Auxiliadora

Porto Alegre/RS